Democracia

13 de Janeiro de 2021 - 15:01

Sindsep chama servidores para eleição do Conselho Municipal de Políticas LGBT da Capital

Pessoas a partir de 16 anos podem votar presencial ou virtualmente. Para votação online, na eleição que ocorre em fevereiro, eleitor/a tem que se cadastrar até a próxima quarta, 20 de janeiro.

Por Coletivo LGBTI do Sindsep
 
 
O Coletivo LGBTI do Sindsep quer garantir em 2021 mais diálogo, diversidade, participação popular e políticas públicas na cidade de São Paulo. Portanto, após uma espera de mais de quatro anos, reforça a convocação para que todas, todos e todes se envolvam, mobilizem e participem da Eleição do Conselho Municipal de Políticas LGBT da Capital do biênio 2021/2022.
 
 
 

Quando será a eleição?

1º de fevereiro de 2021 em toda a cidade.
 

Para que serve o Conselho?

Ele fortalece a garantia de participação social, porque deve ser consultado e ouvido pelo Poder Público em propostas de promoção da cidadania, defesa dos direitos da população LGBTI e das políticas públicas.
 

Quem pode votar?

Todes maiores de 16 anos de idade.
 

Onde posso votar? Preciso levar documentos? 

Quem optar pelo voto presencial, além do RG e comprovante de residência, deve levar o título de eleitor/a.
 
A votação presencial ocorrerá nos seguintes postos:
  1. Região Centro | Rua Major Sertório, 292 – Centro de Referência da Diversidade – CRD
  2. Região Leste | Avenida Nordestina, 496 – Centro de Cidadania LGBTI Laura Vermont
  3. Região Norte | Praça Centenário, 43 – Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis
  4. Região Oeste | Avenida Ricardo Medina Filho, 603, Lapa – Centro de Cidadania Claudia Wonder
  5. Região Sul | Rua Conde de Itu, 673 – Centro de Cidadania LGBTI Edson Neris
Voto virtual:
 
Para votar pelo computador ou celular, você deve se inscrever até a próxima quarta-feira, 20 de janeiro. tire uma foto do RG aberto (frente e verso), uma do Título de Eleitor e outra do comprovante de endereço e anexe na mensagem que deve ser enviada para o email: eleicoesconselholgbt@prefeitura.sp.gov.br. Coloque no assunto: Eleitor(a).
 
Aguarde um email de confirmação com as instruções para votação. Caso não receba nos 2 primeiros dias, retorne ao email pedindo a confirmação de inscrição. Você deverá receber um link para votar no dia 1° de fevereiro.
 

Quantos/as representantes posso escolher?

Cada eleitor/a tem direito a escolher até 7 candidatas/os. Ou seja, votar em sete candidates de categorias diferentes: lésbica, gay, mulher bissexual, homem bissexual, travesti, mulher transexual, homem transexual.
 

ORIENTAÇÕES
 
Maciel Nascimento, secretário de Formação e dos Trabalhadores da Educação do Sindsep, orienta que após a inscrição, informe ao Sindsep pelo whatsapp (11) 97025-5497, para possibilitar o acompanhamento da eleição.

Espalhe essa informação para colegas e amigues e vamos eleger um Conselho Municipal de Políticas LGBT participativo e representativo. "Sendo uma eleição que ocorrerá presencialmente e online, é fundamental seguir as regras estabelecidas em regimento. Portanto, em qualquer das situações esteja preparado para exercer a sua cidadania e direito ao voto", frisa o dirigente.
 
 


CANDIDATES QUE SINDSEP APOIA
 
Segue a relação de candidaturas de seis categorias que contam com apoio do Sindsep e divresas entidades sindicais, a Central Única dos Trabalhadores e ONGs. São elas e eles: 
 
ANDRE HENRIQUE DE FREITAS BENEIT (Gay) - Número 02G (Movimento de Moradia / Coletivo da Secretaria Municipal LGBT do PT)
 
ANDRÉ SARDÃO - (Homem Bissexual) - Número 01HB (Sindicato dos Bancários / Coletivo da Secretaria Municipal LGBT do PT)
 
BÁRBARA SILVA QUENCA (Lésbica) - Número 01L (Família Stronger)
 
CALEB NATHANIEL DA SILVA (Homem Trans) Número 02HT (Família Stronger)
 
CRISTIANE OLIVEIRA (Mulher Transexual) Número 01MT (UNASLGBT)
 
NICOLE MAHIER (Travesti) - Número 02TR  (Coletivo da Secretaria Municipal LGBT do PT)