Educação

29 de Abril de 2021 - 15:04

Sindicato da Educação canadense doa 2,5 mil dólares para Fundo de Greve Solidário dos trabalhadores em greve

A entidade ressaltou a luta por condições seguras de trabalho e aprendizagem. "Estamos com vocês em seus esforços não apenas para lutar pela segurança e o bem estar de seus membros e de todos os que frequentam as escolas, mas também para construir um diálogo social mais amplo", afirma um dos trechos.

O Sindsep recebeu, no final do Dia Mundial de Educação, uma doação de 2.500 dólares do Sindicato Nacional de Funcionários Públicos e Gerais (NUPGE) para o Fundo de Greve, criado para apoiar os trabalhadores/as que estão em greve na Educação e tiveram seus salários cortados pelo governo Bruno Covas.
 
O NUPGE, sindicato com mais de 390 mil associados no Canadá, é integrante da Internacional de Servidores Públicos assim como o Sindsep, e por meio da doação vem se irmanar com a luta que vem sendo defendida na cidade de São Paulo contra a retomada das aulas presenciais.
 
Muitas/os trabalhadoras/es em greve ficaram sem salários por permanecerem nesses 79 dias em greve. Razão que motivou a iniciativa do Sindsep, junto aos comandos de greve da Educação, pela criação de um Fundo de Greve Solidário Permanente, que além de contribuir com os que tiveram seus proventos cortados pelo governo Bruno Covas, auxiliará ações de segurança alimentar em desenvolvimento.
 
A doação, que foi informada por meio de documento encaminhado pela entidade internacional, tem como objetivo reforçar o apoio à greve pela vida, segundo a direção do sindicato canadense. “Do nosso Fundo John Fryer, o NUPGE tem o prazer de contribuir C$ 2.500 para o fundo Greve pela Vida para trabalhadores da educação”, destaca um dos trechos do documento.
 
O NUPGE representa os trabalhadores da educação, desde a creche até a rede pública de ensino e até o ensino superior. “E assim, nossos membros sabem em primeira mão o valor da educação de alta qualidade e a importância de condições seguras de trabalho e aprendizagem, que a pandemia iluminou. Estamos com vocês em seus esforços não apenas para lutar pela segurança e o bem estar de seus membros e de todos os que frequentam as escolas, mas também para construir um diálogo social mais amplo”, finaliza o documento, indicando informações necessárias para a transferência da doação.