Notícias

17 de Janeiro de 2020 - 15:01

Secretário nacional de cultura faz discurso parafraseando Goebbles ministro de Hitler

O Sindsep repudia a declaração dada pelo secretário nacional da Cultura, Roberto Alvim, em um vídeo transmitido na manhã desta sexta (17), em que o secretário copiou trechos de um discurso do ministro da Propaganda do regime nazista, Joseph Goebbles, sobre as artes.

 

"A arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional. Será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes de nosso povo, ou então não será nada", afirmou Alvim no vídeo postado nas redes sociais.

 

"A arte alemã da próxima década será heroica, será ferreamente romântica, será objetiva e livre de sentimentalismo, será nacional com grande páthos e igualmente imperativa e vinculante, ou então não será nada", disse o ministro de cultura e comunicação de Hitler em um pronunciamento para diretores de teatro, segundo o livro "Goebbels: a Biography".  

 

O vídeo foi feito a pedido da presidência para divulgação do Prêmio Nacional das Artes. O pronunciamento gerou revolta nas redes sociais e entre parlamentares. Segundo alguns veículos de comunicação o secretário foi exonerado.

 

Esse vídeo vai contra o regime democrático em que nos encontramos, ainda mais citando um membro do governo nazista que eliminou milhares de pessoas. Não podemos aceitar essa atitude um secretário do presidente Jair Bolsonaro.